Data Storytelling e a Jornada do Herói

O conceito de Data Storytelling (contar a história de dados) está sendo cada vez mais aplicado nas empresas que analisam dados para tomada de decisão.

Além da necessidade em planejar a história dos dados, como já mostrei utilizando a ferramenta ágil Data Storytelling Canvas, precisamos também que o público alvo compreenda as análises de dados apresentadas e se mantenham interessados por ela.

Uma forma contar a história dos dados e ter a atenção do público, é utilizar a estrutura da Jornada do Herói, proposto por Joseph Campbell (1904–1987) em seu livro “The Hero with a Thousand Faces” (1949). Podemos ouvir um pouco sobre na entrevista que Campbell concedeu a Bill Moyers na série o “Poder do Mito”.

Monomito

O monomito ( “Jornada do Herói”) é um estudo aprofundado sobre o caminho cíclico percorrido por mitos em diversas culturas ao longo da história. O trabalho do antropólogo Joseph Campbell inspirou várias escolas de roteiro, principalmente no cinema, onde podemos observar as etapas descritas por Campbell no livro “Herói de Mil Faces”:

  • Partida, separação: Mundo cotidiano, Chamado à aventura, Recusa do Chamado, Ajuda Sobrenatural, Travessia do Primeiro Limiar e Barriga da baleia
  • Descida, Iniciação, Penetração: Estrada de Provas, Encontro com a Deusa, A Mulher como Tentação, Sintonia com o Pai, Apoteose e A Grande Conquista
  • Retorno: Recusa do Retorno, Voo Mágico, Resgate Interior, Travessia do Limiar, Senhor de Dois Mundos, Liberdade para Viver

Jornada do Herói x Data Storytelling

A partir dos estudos sobre o monomito e alguns roteiros de cinema reordenei a Jornada do Herói para 7 etapas. Essas etapas vão facilitar o trabalho de contar história de dados no dia a dia, sem precisar ser um grande roteirista de Hollywood.

Relação da Jornada do Herói com o Data Storytelling Canvas proposto por Stéfano Carnevalli (2019)

Nossa jornada começa pela introdução, mostra o conflito, destaca a recusa do chamado (o obstáculo), indica quais ajudas são necessárias, com isso temos a superação, a grande virada e a conclusão da trama.

No exemplo na figura abaixo podemos identificar como relacionamos a história dos dados usando uma narrativa com estrutura da Jornada do Herói. Lembrando que em cada etapa as visualizações de dados são apresentadas ou orientando a ordem da leitura ao público-alvo.

Exemplo de aplicação da história dos Dados com a Jornada do Herói

Contar a história dos dados utilizando a Jornada do Herói como guia pode ser também uma forma de reunir a equipe, ou mesmo, auxiliar a compreensão dos objetivos, onde queremos chegar. Ou ainda o que o público-alvo quer ou precisa ver para sua tomada de decisão.


Trecho da aula sobre Jornada do Herói do curso Data Storytelling, planejando a história dos dados.


Autor do artigo:

Stéfano Carnevalli, Data Storyteller na Simples Data e mentor na Sýndreams Aceleradora.
Linkedin: in/stefanocarnevalli


Curso “Data Storytelling, planejando a história dos dados.Clique para próximas turmas.