O poder da narrativa de dados (Data Storytelling)

A visualização narrativa de dados ou Data Storytelling podem ajudar na compreensão de estatísticas complexas referentes a conjunto de diversos dados.

Segundo pesquisa Gartner o cenário para os próximos anos é que apenas 20% dos insights analíticos fornecerão resultados de negócios. Assim um dos desafios ainda será compreender melhor os dados coletados e como eles podem ajudar no alcance dos objetivos de negócios.

Data Storytelling: Com o que seu público se preocupa

Essa capacidade de explicar e compartilhar dados ainda esbarra na independência necessária para processar, analisar, compartilhar e colaborar rapidamente informações. Principalmente nesse volume intenso de dados coletados em várias frentes. A narrativa de dados tem sido apontando como uma solução para ajudar equipes a utilizarem dados corporativos de forma mais eficiente.

Com isso um planejamento do Data Storytelling é mais que necessário!

A primeira etapa em qualquer ambiente organizacional é criar uma cultura de narrativa de dados que entenda e valorize a importância desses dados na condução dos objetivos de negócios.

Na etapa seguinte é necessário desenvolver uma capacidade criativa para garantir que os dados possam ser apresentados em um formato envolvente e relevante.

O Data Storytelling reúne uma série técnicas que ajudam contar a história dos dados, permitindo um entendimento mais rápido pelo público-alvo. Assim permitindo também uma compreensão mais ampla dos insights obtidos pelas equipes de análise.

Técnicas que envolvem o Data Storytelling

Algo percebido em diversas equipes de análise de dados, é que quando obtém informações sem um objetivo claro do público-alvo o trabalho parece não ter fim. Ou mesmo durante a apresentação dos resultados, as perguntas são totalmente diferente do que são mostradas nos gráficos.

Um exemplo assertivo, é quando após definir com a Diretoria (público-alvo) qual o objetivo, uma equipe de análise de dados aplicou um a um algoritmo que extraiu informações de 520.430 peças fabricadas ao longo de 3 anos. As informações buscadas já estavam direcionadas a mostrarem dados de data de fabricação, não conformidades e permanência em estoque. Com isso a equipe teve tempo hábil para identificar insights e surpreender o público-alvo. Na apresentação ao Diretor da área, as perguntas foram respondidas ao longo dos slides e no final a conclusão ajudou a tomar uma decisão.

Conexão público-alvo com os dados
Conexão do Público-alvo com os Dados

Esse breve cenário reforça o quanto uma narrativa de dados pode auxiliar o processo de tomada de decisão e principalmente direcionar o trabalho para um objetivo comum. O público-alvo sempre se conectará aos dados quando a resposta dos seus objetivos forem informações assertivas e insights surpreendentes.

Autor: Stéfano Carnevalli é Data Storyteller e têm realizado pesquisas com tecnologias imersivas para apresentação de história de dados.

Leia também: Visualização imersiva de dados e Data Storytelling

Cursos “Data Storytelling, planejando a história dos dados”:

SYMPLA – aulas ao vivo e ambiente EAD

Udemy – Aulas gravadas com arquivos e exercícios práticos