Números podem parecer estranhos para as pessoas

Os números podem parecer estranhos para as pessoas. São tão incompreensíveis, na maior parte das vezes, quanto os diversos termos que lemos sobre o universo dos dados. No atual cenário, os dados podem ser chamados de novo petróleo. Mas na verdade são os novos tipos de solo, onde vamos cultivar, minerar, irrigar e colher.

E assim, após colhermos os dados, precisamos prepará-los para que as pessoas compreendam os números gerados por eles. A alfabetização em dados (data literacy) e a narrativa de dados (Data Storytelling), podem contribuir efetivamente para melhorar essa compreensão.

Melhora a comunicação das informações e insights.
Melhora a comunicação das informações e insights.

Data Literacy para compreender os números

A capacidade analítica e de compreensão dos dados não é algo que a maior parte das pessoas têm. Pelo contrário, são poucos que conseguem interpretar números e gráficos de dados. Ainda em tempos de velocidade e excesso de informação, esse contexto agrava.

O Gartner define a literacia em dados como a capacidade de ler, escrever e comunicar dados no contexto. Incluindo uma compreensão das fontes e construções de dados. Além dos métodos analíticos e técnicas aplicadas – e a capacidade de descrever o caso de uso, a aplicação e o valor resultante.

Para melhorar essa capacidade, precisamos alfabetizar em dados as pessoas. O ideal é iniciar esse processo o quanto antes, ainda nos primeiros anos de ensino. Mas principalmente no momento, precisamos intensificar com os estudantes Universitários e profissionais que atuam nas empresas, independente do seu porte.

Medidor Data Literacy por Stéfano Carnevalli
Extraído de Medidor Data Literacy por Stéfano Carnevalli (jun, 2021)

A alfabetização em dados (Data Literacy) envolve preparar as pessoas para lidar com números. Elencando um grau de proficiência em dados podemos definir uma escala que pode ser dimensionada:

  • De não compreendo
  • Ajudo outros a compreender.

Invista tempo em apreender técnicas que ajudem a comunicar os dados de uma forma melhor. Isso trará com certeza uma percepção mais ampla de tudo, e principalmente fará diferença no campo profissional.

Planejar Data Storytelling para pessoas

Muitas vezes, nos deparamos com dashboards que não orientam a tomada de decisão. E que não conseguem comunicar de forma rápida seu propósito ou mesmo objetivo.

Contar a história dos dados ajuda a transmitir o significado de um conjunto de dados de uma forma impactante. E principalmente, algo mais compreensível às pessoas. As técnicas ajudam a envolver, transformando os números em textos, imagens com visualizações de dados com planejamento. Portanto, o Data Storytelling deve ser planejado para alcançar uma excelência comunicativa. Que apresente informações, insights e indique ações para pessoas.

Etapas Planejamento Data Storytelling
Etapas Planejamento Data Storytelling

O Data Storytelling auxilia também analistas de dados, equipando-os com a capacidade de comunicação. Reforçando que com as empresas se tornando cada vez mais orientada a dados, todos os profissionais se tornam analistas. E precisam da informações e insights para tomada de decisão.

Números podem parecer estranhos para as pessoas, facilite!

A maior parte das pessoas precisam ler os números de uma forma mais amigável. Elas não se preocupam muito com as estatísticas, ou mesmo com os cálculos em visualizações de dados. E sim com o que podem fazer com as informações e insights apresentadas.

Números podem parecer estranhos para as pessoas. Use Data Literacy e Data Storytelling.
Data literacy e Data Storytelling

Por isso certifique-se de vinculá-las a algo com o qual as pessoas possam se preocupar. Números podem parecer estranhos para as pessoas, mas os detalhes mínimos são fundamentais para apresentar uma história precisa dos dados, que indique a elas ações e que gere novas perguntas.


Stéfano Carnevalli é Data Storyteller e realiza pesquisas com tecnologias imersivas para apresentação de história de dados. É autor do Livro “Data Storytelling, planejando e contando a história dos dados” publicado pela Editora CRV.

Livro Data Storytelling
Stéfano Carnevalli – Data Storytelling

Compre na AMAZON ou EDITORA CRV

Leia também: Data Storytelling para uma galeria de artes

Cursos “Data Storytelling, planejando e contando a história dos dados”:

Treinamentos Corporativos

SYMPLA – cursos com aulas ao vivo e on demand

Udemy – Aulas gravadas com arquivos e exercícios práticos

Cursos e palestra para empresas envie uma mensagem para stefano.carnevalli@datastorytelling.com.br ou pelo linkedin